Matrimônio

O Sacramento do Matrimônio é sinal da graça de Deus que une homem e mulher para dar continuidade à vida humana através do amor, da procriação e da união indissolúvel diante de Deus e da Igreja.

Para realização do Matrimônio o processo deve começar, pelo menos, 90 dias antes da data do casamento. Para isso deve-se dirigir à secretaria paroquial portando os seguintes documentos: certidão de Batismo dos noivos atualizada (no máximo 6 meses); uma foto 3X4 dos noivos; certificado do curso de preparação para o matrimônio; fotocópia da certidão de nascimento e RG dos noivos; fotocópia do documento de Identidade de duas testemunhas; protocolo referente a entrada dos documentos no cartório para o casamento civil; certidão de habilitação fornecida pelo cartório; fotocópia do comprovante de residência dos noivos; dispensa emitida pela autoridade competente, caso haja algum impedimento, como parentesco de terceiro grau, religiões diferentes, etc.; autorização dos pais ou responsáveis para os noivos menores de 21 anos; pagamento de 50% da taxa estabelecida pela diocese no ato da inscrição e mais 50% quando ocorrer a oficialização.

Muita atenção aos detalhes da cerimônia do casamento. Exemplos: haverá ensaio a ser agendado na secretária paroquial; para a decoração da Igreja, pede-se que não mexa na arrumação dos bancos que já se encontram alinhados e que não coloquem nada nos mesmos que venham a danificá-los. O mesmo vale para o espaço do altar; As fotografias devem ser feitas com descrição sem causar embaraços a quem está oficializando o sacramento do Matrimônio; dois meses antes do casamento, os noivos deverão fazer uma entrevista com o Pároco, previamente marcada; a Igreja não exige trajes formais, mas que sejam respeitosos e condizentes com o lugar sagrado; os noivos precisam respeitar “rigorosamente” o horário da celebração do casamento. Em caso de atraso, a cerimônia será prejudicada em virtude de outros compromissos; em caso de desistência a taxa mencionada acima não será devolvida.

  1. Noivo

  2. Noiva